Pinhalzinho

23º

15º

Maravilha

21º

16º

São Miguel do Oeste

21º

16º

Chapecó

22º

16º

Netflix deve aumentar seus preços

A Netflix já havia anunciado que aumentará novamente seus preços no ano que vem, o que deve afetar os brasileiros também. Nesta quarta-feira, 14, a empresa teve a oportunidade de dar uma explicação para a alta de preço. Basicamente, a resposta foi “conteúdo de qualidade custa caro”.

Durante a conferência, o CEO Reed Hastings explicou que o aumento tem o objetivo de “melhorar a capacidade de adquirir e oferecer conteúdo de qualidade”, lembrando também que o serviço recentemente conseguiu uma grande vitória quando fechou um acordo com a Disney. O conteúdo da corporação deve ser um diferencial, por trazer o material da Pixar, da Marvel e da Lucasfilm.

No entanto, nem tudo são flores para a Netflix. A empresa anunciou seus resultados e deixou os acionistas insatisfeitos ao não bater a meta de novos assinantes nos Estados Unidos (apenas 880 mil contra 1,15 milhões previstos), o que fez suas ações despencarem em cerca de 10%.

Mas se o preço subir, o número de assinantes não vai diminuir e desagradar ainda mais os acionistas? Segundo a companhia, na Europa, o aumento de preço em 1 euro não freou o crescimento no número de usuários, e a companhia espera que essa tendência se mantenha em outros lugares do mundo.