Pinhalzinho

29º

18º

Maravilha

28º

18º

São Miguel do Oeste

28º

18º

Chapecó

28º

18º

HBO anuncia lançamento de streaming no Brasil

A HBO vai lançar seu serviço de streaming no Brasil e na Argentina até o fim do ano. A expansão para a América Latina do HBO Go, que concorre com a Netflix na seara dos serviços over the top (com transmissão pela internet), é parte de um plano que incluiu outros territórios, como Espanha, também em 2016.

HBO

Embora tenha fortes chamarizes, como as séries de produção própria, entre elas Game of thrones, a HBO ainda caminha devagar no campo desbravado pela Netflix. São, por enquanto, 800 mil assinantes em nove países: Estados Unidos, México, Dinamarca, Suécia, Noruega, Finlândia, Colômbia, Hong Kong e Cingapura. A concorrente tem 75 milhões de assinaturas em 190 territórios.

No mercado americano, onde serviços de OTT vivem uma ascensão meteórica, os modelos de streaming têm se valido do movimento de cord-cutting, tendência de parte dos espectadores de abandonar sua assinatura de TV a cabo para ter mais liberdade de escolha montando sua programação sob demanda.

Marca forte é um dos trunfos

A principal vantagem competitiva da HBO é que o canal tem uma tradição sólida como produtor de conteúdo de qualidade, incluindo séries, jornalísticos e telefilmes. Além dos sucessos atuais, o assinante terá acesso a produções cultuadas de acervo, como Família Soprano. Sua desvantagem é o preço da assinatura, de US$ 15, acima da Netflix. Ainda não foi divulgado o valor do serviço no Brasil.

Durante o anúncio  na conferência de tecnologia e mídia da Morgan Stanley, em São Francisco, Richard Pepler, CEO da HBO, deu detalhes dos conteúdos que o canal está destinando especialmente ao serviço de streaming, como os programas de Jon Stewart e Bill Simmons e da revista Vice, que ganhará um noticiário exclusivo para o Go.

A empresa também anunciou a extensão, até 2022, de seu acordo com a produtora Summit, que garante ao serviço títulos como Divergente e De volta ao jogo, destaques do streaming. Atualmente, a HBO mantém contratos de licenciamento com Universal, Fox e Warner. Segundo Pepler, filmes compõem 62% do conteúdo visto sob demanda e 75% no canal.

A marca HBO Go vai valer para a América Latina – nos EUA, o serviço existe sob o nome HBO Now. Por aqui, o produto já está presente, mas atualmente funciona como catch up TV, acessado apenas por assinantes do canal a cabo para rever programas recentes. O novo modelo de streaming não requer relação com as operadoras de televisão por assinatura.os em nosso país, para 100, ainda este ano.