Pinhalzinho

24º

20º

Maravilha

23º

20º

São Miguel do Oeste

23º

20º

Chapecó

24º

19º

“Toast: A história de uma criança com fome”

Diariamente, milhares de receitas são divulgadas em programas de televisão, rádio, internet e tantos outros meios. Muitas delas foram criadas e/ou divulgadas por Nigel Slater, um famoso chef, escritor e jornalista inglês que inspirou o filme da semana: “Toast: A história de uma criança com fome”.
No filme biográfico, Nigel é interpretado por Oscar Kennedy e Freddie Highmore (infância e juventude). Desde muito pequeno, ele se encantava pela arte da culinária e tinha fome de “comida de verdade”, mas sua mãe (Victoria Hamilton) não tinha muita facilidade na cozinha. Em suas idas ao supermercado, Nigel pedia para comprar comidas frescas, mas a Sra. Slater optava sempre pelo “mais seguro”: comidas enlatadas.
Com apenas 9 anos, o menino fica órfão de mãe e começa a arriscar-se na cozinha, especialmente após iniciar aulas de culinária na escola. Um tempo depois, seu pai, Alan (Ken Stott), contrata uma empregada (Helena Boham Carter), que conquista Alan pelo paladar e se torna madrasta de Nigel. O fato de a Sra. Potter ser uma excelente cozinheira acaba irritando Nigel, ao mesmo tempo em que o motiva a querer ser melhor do que ela e a ir atrás de seu sonho.
A diretora do filme, S.J. Clarkson, revela o preconceito enfrentado por Nigel em sua infância e juventude, nos anos 60 e 70, mas também mostra a experiência pessoal de um jovem que queria “matar sua fome” e acabou transformando-se em um grande chef mundial. A história é de dar “água na boca” e nos motiva a ousamos mais, seja na cozinha ou na vida. Realmente, como dizia Charlie Chaplin: “O mundo pertence a quem se atreve e a vida é muito para ser insignificante”.