Pinhalzinho

25º

19º

Maravilha

23º

18º

São Miguel do Oeste

23º

18º

Chapecó

25º

19º

Gente bonita leva a melhor na escola

Vida de gente bonita é uma moleza. Desde cedo. Segundo pesquisa das universidades de Illinois e do Texas, pessoas atraentes conseguem notas maiores na escola. E até a vida adulta, quando a beleza tambémcontana hora de ganhar um bom salário.

Para chegar a esta conclusão, sociólogos americanos analisaram uma série de pesquisas que mediam a influência da aparência física em vários aspectos da vida. E se deram conta que as diferenças começam cedo. No colégio, os bonitões tiravam notas mais altas que os colegas considerados mais feiosos. E ainda estavam mais propensos a conseguir um diploma universitário.

As diferenças não param por aí. Segundo economistas, mulheres lindas ganham, em média, 8% mais que as outras – e perdem até 4% se forem consideradas feias. Com os homens acontece o mesmo, mas os feios se saem ainda pior: os mais gatos têm um bônus de 4% no salário, enquanto os mais feiosinhos ganham até 13% menos.

Isso porque beleza das pessoas influencia no julgamento alheio. Por exemplo, num outro experimento, os pesquisadores entregaram a alguns homens fotos de mulheres com quem conversariam por telefone em poucos minutos. Aos olhos deles, as mais bonitas pareciam mais sociáveis e divertidas.

Pois é, a vida não é justa. Mas, se serve como consolo, outras pesquisas já mostraram que os bonitões do pedaço geralmente são mais malvados. E costumam passar os amigos e colegas para trás com mais frequência.

Crédito da foto: flickr.com/drurydrama