Pinhalzinho

31º

19º

Maravilha

29º

19º

São Miguel do Oeste

29º

19º

Chapecó

30º

18º

Tal pai, tal filho: Rivaldo e Rivaldinho dão show, e Mogi Mirim bate o Macaé

Filho marca dois e o pai deixa um de pênalti, e Sapo conquista sua segunda vitória na Série B do Brasileiro.

Titulares juntos pela primeira vez nesta Série B do Brasileiro, Rivaldo e Rivaldinho levaram a afinidade familiar para dentro de campo e protagonizaram a vitória do Mogi Mirim na noite desta terça-feira, no Estádio Romildo Ferreira - que, aliás, é uma homenagem ao saudoso pai do pentacampeão e avô do atacante, que deixou dois na partida válida pela 13ª rodada da competição. Aos 43 anos, o veterano meia deixou o seu de pênalti e ajudou a construir o placar de 3 a 1. Pipico descontou para o time alvianil, que perdeu a chance de se aproximar do G-4.

O Mogi Mirim fez o que quis no primeiro tempo. Regido pelo pentacampeão mundial e seu filho, a equipe do técnico Sérgio Guedes abriu o placar logo aos três minutos: Rivaldinho mergulhou para completar um cruzamento de cabeça. Logo depois, foi a vez de Rivaldinho dominar um lançamento na área e tentar achar Rivaldo, mas Dos Santos cortou com a mão. Pênalti, que o veterano de 43 anos bateu com muita categoria. Para completar o baile do Sapo, o camisa 9 (Rivaldinho) recebeu com muita liberdade na frente e só bateu no canto para deslocar o goleiro Rafael e fazer o seu segundo no jogo.

Fonte: G1