Pinhalzinho

31º

19º

Maravilha

29º

19º

São Miguel do Oeste

29º

19º

Chapecó

30º

18º

Chapecoense irá processar Yago Pikachu por quebra de contrato

A Chapecoense irá processar o lateral-direito Yago Pikachu, atualmente no Vasco. Segundo Sandro Pallaoro, presidente do time catarinense, o jogador assinou um pré-contrato com o Verdão do Oeste e dois dias depois acertou com a equipe carioca. 

Em dezembro, não lembro a data certa, ele assinou um contrato com a gente na segunda-feira e na quarta assinou com o Vasco. Existia no pré-contrato uma multa e agora que ele entrou no BID (Boletim Informativo Diário) pelo Vasco podemos entrar com uma ação — explicou o Pallaoro. 

O cartola da Chapecoense se mostrou muito chateado com a situação e garante que essa foi a primeira vez que isso aconteceu com o Verdão. 


Nós estamos cobrando o nosso direito. Não fomos nós que procuramos ele. Foram eles depois que o Flamengo não quis mais negócio que ofereceram e fizeram a proposta. Aceitamos e mandaram os documentos e assinamos, ele (Pikachu) também assinou. 48 horas depois foi para o Vasco e não deu nem satisfação — completou o presidente. 

Yago Pikachu foi revelado pelo Paysandu, onde foi o jogador destaque nas últimas três temporadas. Com contrato registrado pelo Vasco desde 6 de janeiro, o atleta trabalha na equipe carioca para a disputa do Estadual, Copa do Brasil e Série B. 

Ele poderia até ter assinado, ter voltado atrás e ter entrado em contrato para cancelar, fazer um acordo. Mas nem isso. A gente vai procurar os nossos direitos, se vamos conseguir não sei. Vamos atrás do valor da nossa multa. Não lembro o valor exato da multa, mas é em torno de R$ 250 a 300 mil — finalizou Pallaoro.

Fonte: Diário Catarinense