Pinhalzinho

31º

19º

Maravilha

29º

19º

São Miguel do Oeste

29º

19º

Chapecó

30º

18º

Brasil se despede do Sul-Americano como campeão geral

Maior delegação presente no evento mostrou quantidade e qualidade através dos resultados.


Foram sete dias de muita alegria, garra e suor. A delegação brasileira, liderada por Robson Aguiar Secretario Geral da CBDE e, Profº Rivaldo Araújo, responsável por toda execução técnica da maior delegação presente no Campeonato: Foram 210 integrantes entre atletas, comissão técnica e oficiais, obteve o melhor resultado possível numa Competição – o troféu de Campeão Geral, neste caso, do XXI Jogos Sul-Americanos Escolares.

O Brasil no dia 12/12 teve seus embates finais no handebol e xadrez. No handebol feminino, a equipe da técnica Monique Costa, formada por: Sara, Leticia Rebeca, Maria Grasielly, Cassandra Roberta, Caroline Sabrina, Rafaelly, Rafaela, Ranielle, Brenda, Carolina e Andyara, representando também os Colégios, Anglo Lider de Pernambuco, Motiva da Paraiba e Santa Madalena Sofia de Alagoas enfrentaram nas finais a forte equipe anfitriã da casa, o Paraguai.

Mais uma vez a forte torcida paraguaia se fez presente em quadra impulsionando seu time para o que poderia ser a primeira medalha de ouro do país. E deu certo. Por um placar de 21 x 17, o Brasil ficou com a prata no handebol feminino.

No xadrez, a equipe dos técnicos, Leandro Henrique Conti de Freitas e Cleiton Marino Santana formada pelos atletas Amanda Borges, Ana Lúcia, Abias Jacobsen e Vitor Amorim não conseguiram medalhas na competição.

Na sexta-feira o destaque ficou para a equipe de futsal feminino.                            

O ginásio do Centro Nacional de Esportes estava tomado pela torcida que, entusiasta, gritava o nome do país. A disputa seguia acirrada com o Brasil sempre a frente no ataque com muitos chutes a gol e nenhuma conversão. Ao final do primeiro tempo a camisa 07, Camila Grando, converte o único gol da partida. Paraguai voltou para o segundo tempo mais agressivo, mas não conseguiu passar sobre a forte defesa brasileira.

O técnico do Brasil, Cleto Schuster estava muito emocionado com a vitória e, hexacampeonato: “Estou muito feliz por estas meninas, pelo nosso colégio, batalhamos muito para conseguir hoje esse resultado que é fruto de um trabalho muito comprometido de nossa escola. O jogo não foi fácil e, sem dúvida uma ótima experiência para essas meninas”, disse Cleto. As meninas do Colégio José Marcolino Eckert de Pinhalzinho, Santa Catarina chegaram à terra natal na última segunda-feira e foram homenageadas pelas autoridades locais.

O Brasil encerra sua campanha nos XXI Jogos Sul-Americanos Escolares com um total de 68 medalhas:

-36 medalhas de ouro
-21 medalhas de prata
-11 medalhas de bronze

Fonte: Ascom-CBDE